quarta-feira, 30 de maio de 2012

FATOS - CONSELHOS & DICAS DE ANTANHO (Nº 13)





Veja outros Conselhos e Dicas de antigamente  AQUI.

IMAGENS - Carro: "TOPOLINO"

Vamos deixar de lado os carrões dos anos 50 para relembrar um carrinho italiano produzido entre 1936 e 1955: o "FIAT 500",logo apelidado de "TOPOLINO" (ratinho).
Com esse carro fraquinho, para duas pessoas, barato e muito econômico a fabricante Fiat visava a popularização do automóvel em seu país, no que foi bem sucedida.


 1948


 1950



O "Topolino" vendeu muito durante o tempo em que foi produzido.
Passou por diversas versões (tanto de carroceria como de mecânica) até ser substituído pelo "FIAT 600" (para 4 pessoas e bem mais potente que o antecessor).


1953


1954



Também foi produzido em alguns outros países da Europa.
Alguns anos atrás ele foi "ressuscitado" (claro que com outra roupagem) para concorrer com os carrinhos da moda atual (Smart?).

Os anúncios abaixo mostram que o Topolino cruzou o oceano e  acabou chegando por estas estas bandas.


 jornal de 1942



 jornal de 1953



Clique AQUI para ver mais CARROS.









ESTANTE DE LIVROS: "O Soldadinho de chumbo" - "As Aventuras do Barão de Münchhausen" - "Alice no País das Maravilhas"

Nossa Estante recebe três obras clássicas da literatura infanto-juvenil que deleitaram muitas crianças e adolescentes ("ávidos leitores" nos anos 50 e 60).

"O Soldadinho de Chumbo":  Livro que o escritor dinamarquês HANS CHRISTIAN ANDERSEN publicou pela primeira vez em 1838. Um soldadinho apaixona-se por uma bailarina. Eram brinquedos. Ele de chumbo e ela de papel. A história não termina bem e seu final é comovente!


 exemplar de 1948




"As Aventuras do Barão de Münchhausen": Escrito em 1785. Descreve relatos inventados por um militar (o Barão) sobre as mais absurdas situações que "viveu" em guerras de que participou no século XVIII. Essas aventuras extraordinárias e divertidíssimas chegaram ao cinema e outros livros.


exemplar de 1949




"Alice no País das Maravilhas": Esta obra (escrita sob pseudônimo) rapidamente se espalhou por todos os países depois de publicada pela primeira vez, em 1865. Conta a aventura de uma menina que entra num fascinante  mundo de coisas e seres fantásticos e cheios de questionamentos.


exemplar de 1960


Folheie as dezenas de livros de nossa Estante. AQUI.





FATOS - Moda feminina para verão e inverno dos anos 50

Para o verão de 1956. Vestido com grupure em cetim de algodão branco com a renda.





Para o inverno de 1959. Detalhes:  botões grandes e golas de pele.




Mais modelos AQUI.

FATOS - PARADA DE SUCESSOS

No ano de 1964 estas músicas "bombavam" nas  rádios brasileiras:

-"Berimbau" (Quarteto em Cy)

-"She Loves You" (The Beatles)

-"O Ritmo da Chuva" (Demétrius) = Relembre:





 -"O Que Eu Faço do Latim" (Meire Pavão) = Esta também:





Clique nos títulos para matar saudades dessas:   Volare   -   Tammy   -   The End   -   Smile   -   Saudosa Maloca   -   Lisbon Antigua   -   Cachito   -   Cabecinha no Ombro   -   Jambalaya   -   Petite Fleur   -   Oh! Carol   -   Divino Maravilhoso   -   Dio Come Ti Amo   -   A Noiva   -   O Calhambeque   -   Summer Rain   -   The Beatles   -   Hello, Dolly   -   Banho de Lua   -   Splish Splash   -  Massachusets   -   Hava Nagila   -   OB-LA-DI  OB-LA-DA   -   Eu e a Brisa   -   Una Lacrima Sul Viso   -   Penny Lane   -   It's Now or Never   -   Mrs. Robinson   -   Pau de Arara   -   Pára Pedro   -   A Volta   -   Última Canção   -   Fica Comigo Esta Noite   -  Domingo no Parque   -   Pra Não Dizer Que Não Falei Das Flores   -   Wooly Bully   -   The Green  Leaves of Summer   -   O Rei do Gatilho   -   Twist and Shout   -    Era Um Garoto Que Como Eu Amava ....   -   A Banda   -   Sonhar Contigo   -   Não Tenho Lágrimas   -   Datemi Un Martello   -   O Pequeno Burguês   -  

FATOS - Moda: Terninho infantil

Lembram-se das calças curtas que os já mocinhos (até 11/12 anos) da década de 50 usavam muito contra a vontade (e não viam a hora de entrar para o Ginásio, pois aí então usariam calça comprida no uniforme)?

Eis alguns bonitos terninhos que a gurizada daquela época "ostentava" em eventos importantes (como 1º comunhão, festas, acompanhando os pais em visitas a amigos, etc).


 1951



 1953


1955



Aproveite e leia AQUI matéria sobre as calças curtas.

IMAGENS - Disco: "Leno e Lilian"

Nos tempos da JOVEM GUARDA surgiu uma dupla de cantores que estourou nas "paradas" da época logo de cara. Chamava-se "LENO E LILIAN".


 Olha eles aí, em foto daqueles tempos



Esses dois (ele, "Gileno Osório", tinha 17 anos e ela, "Sílvia Lília", 18)  gravaram o primeiro disco em 1966.

 1966


 1966



Inacreditavelmente, já no ano seguinte a dupla foi desfeita, com cada um seguindo seu caminho.
Depois disso, em outras décadas, os dois voltaram a cantar juntos em alguns discos e esporádicas apresentações.

 1967


O tempo de existência foi pequeno, mas o suficiente para colocar "Leno e Lilian" no rol dos grandes sucessos dos anos 60 com as músicas "Pobre Menina", "Devolva-me" e "Eu Não Sabia Que Você Existia".

revista de 1967


Na época corria solta a tal "pergunta que não quer calar": Mas, por que diabos eles se separaram? (samba?).


E agora, finalmente, vamos ouví-los?  É só clicar nas três telinhas abaixo:


"Pobre Menina"



"Devolva-me"


"Eu Não Sabia Que Você Existia"



Visite nossa discoteca. AQUI.

IMAGENS - Cartaz de cinema: FESTIVAL JERRY LEWIS

Um dos mais queridos comediantes do cinema americanos dos anos 50 e 60, JERRY LEWIS começou a carreira cinematográfica em 1949 fazendo dupla com o galã cantor (que integrou a "gang" de Frank Sinatra) Dean Martin.
Ambos já vinham atuando juntos desde 1946, se apresentando em boates, clubes e rádio.
Essa parceria, que "rendeu" 16 filmes, durou até 1956.


Ei-los em foto da época


"A Farra dos Malandros" - 1954


Dean sempre coube o papel de "escada" para Jerry fazer o abobalhado com suas palhaçadas e estrepolias que tanto atraíam multidões aos cinemas. Era Jerry quem fazia o pessoal rir! Especula-se que essa situação tenha sido o motivo principal que levou o cantor a se desinteressar em continuar trabalhando com o comediante.


"Artistas e Modelos" - 1955



Um fato ilustrativo: apesar de Jerry ser a grande estrela da dupla, era o nome de Dean Martin que aparecia por primeiro nos cartazes e divulgação dos filmes.


"O Meninão" - 1955


Em 1957 Jerry estreou  na carreira solo com o filme "O Delinquente Delicado" (cartaz abaixo).






E assim, de sucesso em sucesso, ele foi até o final dos anos 60, quando a bilheteria dos seus filmes começou a declinar. Então, passou a atuar mais como produtor e diretor e na televisão.

Vamos relembrar esse engraçado "abobado"?  Clique na telinha para ver a clássica cena de Jerry Lewis e a "máquina de escrever" (no filme "Errado Pra Cachorro", de 1963).






Nota: Mais filmes desse ator na postagem a seguir (desta mesma edição).



AQUI  todo o acervo "cinematográfico" do Blog. Visite-o.




IMAGENS - Cartaz de cinema: FESTIVAL JERRY LEWIS (PARTE II)

Mais cartaz de filmes que assistíamos aqui nos anos 50 e 60 do comediante Jerry Lewis.


"O Rei do Circo" - 1954


"O Terror das Mulheres" - 1961


"Errado Pra Cachorro" - 1963



Confira (pelo menos um trechinho) o filme (completo)  "O Meninão", de 1955

IMAGENS - Anúncio: "TURMINHA BRAVA" contra o "DETETIVE BARDAHL"

Em 1939 uma pequena empresa americana iniciou a fabricação de um produto conhecido até os dias atuais: o aditivo Bardahl (para combater o atrito entre as peças do motor do carro). 
Para divulgá-lo no Brasil (começou a ser importado no início dos anos 50) chegou a "Turminha Brava" (um bando de "malfeitores" que aqui desenbarcava para atacar os "desprotegidos" motores dos veículos "brasileiros".
Esses terríveis meliantes atendiam pelos sugestivos nomes "CHICO VÁLVULA PRESA", "ZÉ DOS ANÉIS PRESOS", "ANTONIO SUJO" e "CARVÃOZINHO".


Cartaz dos "inimigos públicos" procurados pela polícia




Anúncios de 1956:










































Como se já não bastasse, no início dos anos 60, essa famigerada e detestável quadrilha ganha mais um componente: a linda (e mortal) "CLARIMUNDA"!


 anúncio de 1963


A mensagem  que campanha publicitária passsava era muito simples: comprando o produto, os proprietários não precisavam se preocupar. Esses "marginais" iriam ser enfrentados e derrotados pelo corajoso e eficiente "Detetive Bardahl".


AQUI todo acervo de anúncios já publicados no Blog.

AVISOS - MURAL DE LEMBRETES





VITROLA ANTIGA: "QUANDO SETEMBRO CHEGAR" ("Come September"))

1961 - Billy Vaughn - Quando Setembro Chegar"





AQUI todo o "repertório" de nossa VITROLA ANTIGA. Não deixe de visitar.

IMAGENS - Velharia: Arquitetura dos anos 50

Sugestões/soluções de 1959 para ambientes de uma casa:


Adaptação de um grande ambiente para ser utilizado como dormitório(1)sala de refeição(2) (separados por portas dobradiças de borracha plástica).





Aproveitamento de parte de dormitório de jovem estudante como sala de estudos, liberando um cômodo da casa para outras finalidades.





Aproveite e viaje pelo nosso brechó de móveis dos anos 50 e 60:   escrivaninha e estante   -   móvel para som   -   jogo de quarto e sofá cama   -  cadeira do papai e barzinho   -   peças glamurosas   -   sofá e poltronas-cama  

FATOS - Programa de TV: "ESTA NOITE SE IMPROVISA"

Vamos relembrar mais um programa dos áureos tempos da TV RECORD.
Trata-se de "ESTA NOITE SE IMPROVISA" comandado pelo casal BLOTA JÚNIOR e SÔNIA RIBEIRO

 



Foi um campeão de audiência. Era transmitido do Teatro Record (S. Paulo) às quintas-feiras, no horário das 20 horas. Existiu de 1967 a 1968 (no ano seguinte foi remodelado).
Consistia numa disputa entre meia dúzia de convidados (a maioria do mundo musical). A cada palavra-chave anunciada  ("A palavra é ...") o participante que primeiro apertasse um botão à sua frente, tinha o direito de ir ao microfone e cantar trecho de uma música que a contivesse. Se estivesse tudo certo (havia um júri para isso) ele ganharia os pontos daquela questão, levando para casa prêmios como geladeira, relógio, rádio e, até, se habilitando a ganhar um automóvel (se vencedor da rodada final).
Se não houvesse acertador, a pergunta era transferida para alguém da platéia (que levaria uma recordação do programa). 




Blota Júnior e Sônia Ribeiro, por muitos anos o casal ícone da TV brasileira





















"Esta Noite se Improvisa" fez história! (Silvio Santos que o diga).
Alguns dos muitos artistas que participaram: Silvio Cesar, Vinícius de Moraes e Carlos Imperial. Chico Buarque e Caetano Veloso não saiam de lá (sabiam tudo) e acabaram ganhando enorme projeção nacional com isso. O diretor Nilton Travesso e o novelista Manoel Carlos chegaram a atuar na direção do programa.


MAIS  programas de tv.


IMAGENS - Gibi: "PICA PAU" ("ÚDI ÚDI")

Esse passarinho tem um nome em sua terra natal (Estados Unidos): "Woody Woodpecker".   Por estes lados ficou famoso apenas como "Pica-Pau". Mas não por falta de vontade. Os gibis abaixo, que a garotada "lia" nos anos 50/60, mostram que tentaram nomeá-lo como "ÚDI ÚDI". Mas não pegou!


1959


1960


1960



Chegou aos quadrinhos americanos após sucesso nos desenhos animados do cinema (anos 40) e depois da TV (anos 50).
No Brasil foi apresentado pela primeira vez nos dias da inauguração da televisão (TV TUPI, 1950), sem dublagem (obviamente).


1962



Vamos vê-lo neste filminho?




Em 1967 o famoso "Trio Esperança" gravou uma música em "homenagem" ao nosso heróí.




Veja nossa "gibiteca" AQUI.

IMAGENS - Escola: Livro "Geografia Regional" (Aroldo de Azevedo)

Mais uma obra escolar do "papa" da geografia AROLDO DE AZEVEDO, usado no Ginásio e  Colégio dos anos 50. As imagens abaixo são de um livro do ano de 1949.









Mais livros de escolaCrestomatia   -   Programa de Admissão   -   Cartilha da Infância  

IMAGENS - Brinquedo: "O Céu é o Limite" - "Resta 1"

Antigos joguinhos instrutivos. O primeiro foi "inspirado" num célebre programa de tv (de mesmo nome) dos anos 50.


1960




anos 60


Mais brinquedos AQUI.

FATOS - Cinema Brasileiro: "A Grande Feira" - "A Desforra" - "História de Um Crápula"

Alguns filmes "proibidíssmos" dos anos 60. A garotada sonhava "chegar logo" aos 18 anos para poder assistir filmes desse tipo (principalmente os estrangeiros, que eram mais "fortes").


1963


1965


1965


Clique em "Postagens mais antigas" (logo abaixo)  para ler as duas últimas matérias desta edição de 30/06: "EFEMÉRIDES" e "GIBI ESTRANGEIRO"