sexta-feira, 15 de novembro de 2019

====================== CANTINHO DOS ANOS 70 ======================

(uma "canja" para o pessoal PÓS anos 50/60)

I) PARADA DE SUCESSOS: "ALL BY MYSELF" (Eric Carmen) - "A MONTANHA" (Roberto Carlos) - "FILHO DA BAHIA" (Fafá de Belém)

Para nosso leitor voltar no tempo,  mais sucessos dos anos 70.


"ALL BY MYSELF" 1976


"A MONTANHA" 1972


"FILHO DA BAHIA" 1975


++++++++++

II) FATOS - EFEMÉRIDES DOS ANOS 70

13.08.1976
Tribunal de Justiça de São Paulo confirma a falência da empresa pertencente a Eduardo Varela, o "DUDU DA LOTECA", que ganhou (sozinho) o prêmio milionário  da Loteria Esportiva em abril/1972.

11.07.1974
Petrobrás reduz o fornecimento de combustível ao Governo do Estado do Rio de Janeiro como forma de forçar o PAGAMENTO DA DÍVIDA com a estatal.

20.10.1977
Vereador José Bustamante solicita ao prefeito paulistano Olavo Setúbal  mudança do nome da Avenida Paulista para "AVENIDA CORINTHIANS PAULISTA", pela recente conquista do Campeonato Paulista da Futebol.

17.04.1972
Ministro da Fazenda, Delfim Neto, determina PRISÃO E CONFISCO DE BENS de 20 diretores de empresas, em  três Estados, por não recolhimento de IPI e não repasse do Imposto de Renda Retido na Fonte descontado de seus empregados.

16.01.1975
Três calouros da Universidade Federal do Paraná são internados em hospital de Curitiba por queimaduras de 2º grau causadas por cal viva, em TROTE no Centro Politécnico.

28.12.1978
Em mensagem de fim de ano, o Arcebispo de Manaus declara que a Igreja Católica deseja que o  plano governamental para EMANCIPAÇÃO DO ÍNDIO "não o torne um marginalizado nas grandes cidades, mas o transforme num homem preparado para o dia de amanhã"

14.09.1979
Palácio do Planalto envia ao Congresso projeto de lei que autoriza a criação da "Loto", uma nova loteria baseada em sorteio de números e SEMELHANTE AO JOGO DO BICHO.

++++++++++

III) IMAGENS - Velharia: LOJAS QUE NÃO EXISTEM MAIS ("Mappin" - "Arapuã" - "G. Aronson" - "Mesbla" - "Ducal" - "Casas Buri")


Estas Empresas "bombaram" na Capital Paulista (algumas, também em cidades do interior) nos anos 70. Muito tempo depois essas históricas marcas viraram pó, ficando só na lembrança.


1913/1999


1957/2003

1962/1999


1939/1999



1950/1986



1942/1992
++++++++++

IV) IMAGENS - Brinquedo: BONECAS "BEIJOQUINHA" - "COSQUINHA" - "PREGUICINHA"


Mais bonecas "Estrela" para deleite das meninas dos anos 70.
                                                 

                                                                                                           


























+++++++++

V) FATOS - Cinema Brasileiro: "AMANTE MUITO LOUCA" - "O SEXUALISTA" - "JÁ NÃO SE FAZ AMOR COMO ANTIGAMENTE" - "TERAPIA DO SEXO"

Filmes sensuais e eróticos, muito comuns nos anos 70. Nestes, que mostramos cartazes,  algumas figurinhas carimbadas da televisão das últimas décadas (Anselmo Duarte, Tereza Raquel, Stepan Nercessian, Agildo Ribeiro, Vera Gimenez, John Herbert, Helio Souto, Alcione Mazzeo e outros).
Leia matéria sobre as "Pornochanchadas" AQUI

1974
    
1975
 



1975























1976
1978
























++++++++++

VI) IMAGENS - Velharia: RÁDIO/TV PORTÁTIL "NATIONAL"


Este rádio e tv portátil começou a ser importado do Japão no início dos anos 70. Este que mostramos é o "TR 475 L", de 1971. O aparelho tinha rádio em AM e FM, televisão de 5 polegadas e era conectado a um adaptador recarregável (energia ou bateria).


 












++++++++++

VII) IMAGENS - Estante: Coleção "OS HOMENS QUE MUDARAM A HUMANIDADE"


Coleção de livros de biografias que a  Editora Três levou às bancas de jornal em 1974 e 1975. Era formada por 30 volumes (distribuídos nesses dois anos) no formato 14 x 21 cm, de capa dura e com média de 145 páginas cada um. 











++++++++++

VIII) IMAGENS - Programa de TV: "DOMINGO NO PARQUE"


Em 1977 SILVIO SANTOS criou uma  nova atração para seu eterno programa domingueiro: "DOMINGO NO PARQUE".
Era uma disputa entre escolas num cenário de parque infantil (exibida na parte da manhã). Durou até 1988 e deixou saudades. Por onde passava, Silvio levava seu "Parque" (TUPI/RECORD/SBT).
Quem não se lembra de seu mais famoso quadro: aquele em que uma criança ficava numa cabine (o "foguete") totalmente isolada do exterior e, sem ver ou ouvir nada, tinha que responder "SIM" ou "NÃO" quando acendesse uma lâmpada. Era a hora em que falaria se trocava ou não ("no escuro") um determinado prêmio já ganho por outro  (que poderia ser melhor ou pior).





Para voltar um pouquinho no tempo:





COM ESTA SEÇÃO DE COISAS DOS ANOS 70 ENCERRAMOS A ATUALIZAÇÃO DO BLOG.
AQUI VOCÊ ENCONTRA TODAS AS MATÉRIAS SOBRE ESSA DÉCADA.

Nenhum comentário: