sábado, 30 de julho de 2011

AVISOS - MURAL DE LEMBRETES

-Próxima atualização: 15.08.11

-Clique nas imagens, para aumentá-las

-Veja todo o ACERVO ACUMULADO  (quase mil matérias sobre coisas de antigamente): é só clicar em cada item de "ASSUNTO" (na coluna ao lado) OU em "POSTAGENS MAIS ANTIGAS" (no rodapé desta edição)

-Divulgue este blog aos parentes e conhecidos "mais vividos", pois:

RECORDAR É SAUDÁVEL!   ESTIMULA A MEMÓRIA E FAZ BEM À MENTE!

IMAGENS - Gibi: "CIÊNCIA EM QUADRINHOS"

Bem no meio do fogo cruzado do movimento de intolerância contra os gibis (que muitos religiosos, educadores e formadores de opinião consideravam perniciosos para as crianças e jovens) surge uma HQ chamada "CIÊNCIA EM QUADRINHOS".


1953


Mas isso não foi por acaso e nem um ato isolado. Fazia parte da reação da histórica editora de quadrinhos EBAL para reverter as tendência e os efeitos dessa campanha que se espalhava por todo o Brasil, desde os anos 40. Para isso, esse nosso gibi se juntou a outros como: "Edição Maravilhosa" (importantes romances brasileiros e estrangeiros-veja mais aqui); "Epopéia" (clássicos de aventuras infanto-juvenis); "Série Sagrada" (vida de santos católicos e eventos bíblicos-veja mais aqui) e "Grandes Figuras" (da nossa História).


1954           /          1957
 


















De origem americana, "Ciência em Quadrinhos" circulou entre nós de 1953 a 1958 e abrangia os mais diversos assuntos de ciência, com enfoque escolar: ar, atmosfera, eletricidade, corpo humano, mundo animal, descobertas e invenções, átomo e mais uma infinidade de outros temas da área. Pouco tempo antes de ter sido paralisada, a publicação passou a quadrinizar assuntos de História da Civilização.


1956


Veja outros gibis:   Superboy e Batman   -   Abott e Costello   -   Brasinha   -   Anúncio nos gibis   -   Gibi em cores   -   Antar   -   Fantasma   -   Flecha Ligeira  -   Maravilhas da Natureza   -   Dr. Macarra

IMAGENS - Brinquedo: CARRINHO DE PEDAL

Esses carrinhos eram verdadeiras réplicas (de lata e ferro) de carros estrangeiros que andavam pelas ruas. Daí o seu grande atrativo. Tiveram o auge nos anos 50 e 60 (época dos brinquedos abaixo).
Mas não é o caso de citar a frase "quem não teve um, quando pequeno?".











Muitas crianças não tiveram. O preço era poibitivo para a grande maioria dos pais daqueles tempos. Ainda bem que existiam os mais simplesinhos: os VELOCÍPEDES, que não reproduziam nada mas também eram carrinhos de pedal (embora não esses aristocráticos "pedals cars").









Veja mais brinquedos:   brinquedo de lata   -   Auto-Magic   -   Autorama   -   Recortar e Vestir   -   Diversos   -   Bambolê   -   Serviço de Jantar   -   Tamboretes   -   Mec-Bras   -   Coleção Disquinho   -   Cineminha Barlam   -   View-Master   -   Faroeste   -   Volta ao Mundo   -   TROL   -   Chimbolé

IMAGENS - Escola: Livro "FLOR DO LÁCIO"

Foi um livro didático muito utilizado nos anos 60 para o ensino da disciplina de  PORTUGUÊS aos alunos do CURSO NORMAL, que formava professor para o antigo Curso Primário ( as quatro, agora cinco, primeiras séries do hoje denominado Ensino Fundamental).


1969



Nesse livro tudo é ensinado e desenvolvido com base em textos de grandes escritores brasileiros e portugueses, como José de Alencar, Machado de Assis, Eça de Queiroz e muitos outros.



1961          /          1965      



















Através da antologia o "professorando" recebia os ensinamentos de gramática, técnicas de redação, estudo de palavras e expressões, desenvolvimento do gosto pela leitura, etc.


1951          /          1953  



















Pode-se afirmar que essa obra foi revolucionária na técnica de ensino do Português.


Veja outros livros didáticos:   Matemática Moderna   -   Cartilha de Bitu   -   Cartilha do Tatu   -   Livro de Admissão   -   Livros de Religião   -   Coração Infantil   -   Cartilha Sodré(I)   -   Livro de História   -   Meninice   -     Canto Orfeônico  -   Cartilha Sodré (II)   -   Livrinho de Tabuada   -   Coração Infantil (II)   -   Programa Escolar   -   Spoken English   -   Português   -   Livro de Admissão (II)

FATOS - Efemérides Douradas

31.12.1953

Assembléia Legislativa paulista aprova lei para cobrança de PEDÁGIO nas rodovias estaduais de "concreto, asfalto ou paralelepípedo".


04.04.1962

Presidente João Goulart é recebido pelo Presidente Kennedy em sua visita aos Estados Unidos.


27.01.1967

Incêndio na cápsula espacial Apolo I mata os três astronautas americanos que faziam testes para a viagem à lua dali há uns dias.


10.03.1959

É inaugurada em São José dos Campos-SP  fábrica da General Motors destinada à produção de motores e peças de caminhões Chevrolet.


Clique nos números para ler outras efemérides: (1)   -   (2)   -   (3)   -   (4)   -   (5)   -   (6)   -   (7)



IMAGENS - Disco: PAUL ANKA

Em 1957/1958 "estourou" no Brasil uma música que estava fazendo enorme sucesso junto aos adolescentes americanos: "DIANA".
O autor e intérprete chamava-se PAUL ANKA e tinha apenas 16 anos!


gravação original em 78 rotações, de 1957



Numa velocidade espantosa foi conquistando o mundo: em 1958/59 emplacou diversas músicas nas paradas de sucesso.
Teve intensa carreira na música: também compunha para outros cantores.


1959



Nos anos 60 chegou a participar de alguns filmes de Hollywood (como o famoso "O Mais Longo dos Dias").
Alguns de seus sucessos nos anos dourados: Diana(1957), You Are My Desteny(1958), Crazy Love(1958), Put Your Head on My Shoulder(1959), Puppy Love(1960), Lonely Boy(1959), Tonight My Love, Tonight(1961),In the Still of the Night(1969), Helloo Jim(1963), Loveland(1961).
Em 1958 nosso cantor CARLOS GONZAGA gravou uma versão de "Diana" e também fez grande sucesso.
Paul Anka, ex-ídolo teen dos anos 50, continua no "batente" até os dias atuais.


Escolhemos três músicas bastante representativas de seu repertório. Clique nas telinhas abaixo,  para ouví-las: 

Diana


Lonely Boy


You Are Myn Destiny


Veja e ouça também:  Hebe Camargo   -   Sergio Murilo   -   Giane

IMAGENS - Cartaz: MATINÊS (II)

Na edição anterior relembramos alguns filmes de DESENHO (veja aqui) que passavam nas matinês domingueiras.
Agora mostramos cartazes de SERIADOS  (americanos) feitos nos anos 30 e 40 e que os brasileirinhos assistiam nos anos 50 com seus famosos finais de episódio mostrando a possível "morte" do herói (que, para a alegrias de todos, não se concretizava no domingo seguinte).


(1947) - A Volta de Jesse James



(1941) - A Volta do Aranha Negra



(1941) - As Aventuras do Capitão Marvel



(1935) - As Novas Aventuras de Tarzan


Aproveite e clique na telinha abaixo para relembrar como eram esses seriados e suas musiquinhas "eletrizantes":





Veja mais cartazes:   Seriado do Batman   -   Seriado Comando Cody   -   Seriado O Besouro Verde  -   Seriado do Superman   -    Seriado do Flash Gordon   -    Seriado do Congo Bill     

IMAGENS - Velharia: MÁQUINA FOTOGRÁFICA "YASHICA RAPIDE"

Máquina fotográfica fabricada no início dos anos 60 (esta mostrada abaixo é de 1961).
O "rapide" no seu nome deve-se ao próprio e original sistema de avanço rápido do filme (35 mm): após bater a foto era só puxar e soltar um cordãozinho que ficava na parte de baixo da máquina, como se fosse uma pequena pulseira.









IMAGENS - Anúncio: LÂMPADAS "OSRAM"

Em 1919 é criada na Alemanha a OSRAM, fábricante de lâmpadas.
Três anos depois ela chega ao Brasil  (no Rio de Janeiro) com o objetivo de  comercializar os produtos fabricados naquele país.
Muito tempo depois, em 1955, é fundada a OSRAM DO BRASIL, na cidade de S.Paulo. No ano seguinte é inaugurada sua fábrica no, então, bairro de OSASCO, onde inicia a produção de lâmpadas incandescentes.
Mostramos aqui algumas de suas peças publicitárias de 1958 e 1960 em que usa o mote "para o bem de seus olhos" para destacar o saudável uso de suas lâmpadas em algumas atividades do dia a dia. Sem dúvida, uma idéia para levar o brasileiro a usar  o seu produto cada vez mais apelando para o lado da saúde.

NOTA: Muitas décadas depois de ter chegado ao Brasil, essa Empresa foi a responsável pelo projeto técnico do novo sistema de iluminação do CRISTO REDENTOR (Rio), inaugurado em 1º de março de 2011.


1958




 



1960






















Veja estes outros anúncios:   Utilidades Domésticas   -   Cia. Telephonica Brasileira  -   Panex

IMAGENS - Velharia: DECALCOMANIA

Mais decalcomanias que a crianças usavam, nos anos 50/60, para enfeitar trabalhos escolares e cadernos. Nos dias que antecediam datas comemorativas lá estavam elas preparando as decalcomanias de Tiradentes, D. Pedro I, Santos Dumont, Princesa Isabel, e muitos outros. Leia e veja mais aqui.











VITROLA ANTIGA - "Quero Me Casar Contigo" (Roberto Carlos)

Agora vamos voltar ao ano de 1963, colocar um disco na vitrola e ouvir Roberto Carlos cantar um dos seus grandes sucessos:



Outros discos de vinil para tocar na vitrola:   Estão Voltando as Flores  -   Rua Augusta   -   Menino Passarinho   -   My Way   -   Only You

IMAGENS - Revista: Importantes revistas dos anos 50/60 (IV) - Fotonovelas: "CAPRICHO"

O primeiro número da revista "CAPRICHO" chegou às bancas em junho de 1952.
Embora não tenha sido a pioneira (ja haviam em circulação outras duas revistas de fotonovelas) certamente foi a mais importante das décadas de 50 e 60, quando esse gênero tinha milhões de leitoras (e também, por que não?, de "escondidos" leitores).


1954


Mas essa revista da mulher adulta não era só novela em quadrinhos (de fotos). Trazia matérias de interesse do mundo feminino, como: utilidades do lar, variedades, aconselhamentos, contos de amor, moda, beleza, comportamento, sexo(superficialmente),etc. Sem contar as propagandas de produtos dirigidos especialmente  a esse público (que eram, muitas das vezes, grandes novidades para as senhoras que viviam fora dos grandes centros).

1956/1959













"Capricho" continua nas bancas até hoje, só que com enfoque bem diferente: a partir dos anos 80 passou a ser direcionada ao publico feminino adolescente, mas sem as  fotonovelas (que já não mais despertavam interesse).


1967


Leia mais aqui sobre essa quase sexagenária revista (que nossas mães e avós não "perdiam" um número).

Outras revistas:   O Cruzeiro   -   Manchete   -   Sesinho   -   Filmelândia   -   Querida   -   Seleções

FATOS - Parada de Sucessos

As músicas abaixo fizeram sucesso em 1967, ano em que os Beatles estiveram diversas vezes nas paradas brasileiras. Clicando nas telinhas vocês poderao ouvir duas delas:

-"Bus Stop" (Hollies)

-"Pare o Casamento" (Wanderléa)

-"PENNY LANE" (The Beatles):



-"ALL YOU NEEDS IS LOVE" (The Beatles):


Ouça também: Elvis Presley   -   Simon e Garfunkel   -   Ary Toledo   -   Os Vips   -   Paulo Sergio   -   Geraldo Vandré  -   The Brothers Four   -   Moreira da Silva   -   Demônios da Garoa   -   Nelson Riddle   -   Nat King Cole   -   Brenda Lee   -   Neil Sedaka   -   Wilma Bentivegna   -  

FATOS - Programa de TV: "CORTE RAYOL SHOW"

Em 1965 a TV RECORD (campeã de audiência na época) reuniu um cantor famoso (Agnaldo Rayol) e um humorista também muito conhecido (Renato Corte Real) e criou o programa "CORTE RAYOL SHOW".






Como esperado, fez extraordinário sucesso durante o tempo em que ficou no ar (2 anos).
Era apresentado às sextas-feiras, no horário das 20 às 21h. Não é preciso dizer o que cada um fazia no programa (além de apresentá-lo), né?


Revistas de 1966



















Veja também:   Um Instante, Maestro   -   Luta Livre   -   Alô, Doçura   -   Sabatinas Maizena

FATOS - MODA: Vestido e traje de praia dos anos 60











 

Vestido de organdi discretamente franzido, com enorme gola branca de algodão que delineia o decote canoa e serve de manga curta
Esse modelo era bem aceito em 1960.






















Traje de praia que foi a grande novidade no verão de 1961: o biquini!
Este é um modelo "baby doll" em algodão estampado.
Era recomendado também para a "prática da natação".











Mais moda aqui e aqui.

IMAGENS - Gibi estrangeiro: "Crypt of Terror" - "The Beyond" - "Black Cat" - "Tales of Horror" - "Tales of Horror"

Eis um completo festival de terror oferecido por gibis americanos (para deleite da garotada daquele país), como mostram essas capas:


1950



1954



anos 40



anos 50



Outros gibis americanos:  Millie   -   Dick Tracy   -   All Star Comics   -   Gene Autry   -   Lash LaRue

ESTANTE DE LIVROS - "NOSSO HOMEM EM HAVANA" (Graham Greene)

Do famosíssimo escritor inglês GRAHAM GREENE. Foi lançado em 1958.
A história se passa em HAVANA (pouco antes de Fidel assumir o poder) e conta as peripécias de um inglês ("JIM") que lá morava e tinha um comércio de aspirador de pó.
Esse vendedor acaba tornando-se "espião" do governo britânico, simplesmente  para ganhar uns "trocados" a mais (pois precisava equilibrar o orçamento doméstico).



1961




Para valorizar suas atividades secretas e aumentar os "rendimentos" nosso inexperiente agente começa a apresentar relatórios fantasiosos recheados de mirabolantes situações fictícias.
E não é que seus superiores acreditam em tudo e mais dinheiro lhe é pago (à medida em que apresenta os extraordinários resultados de suas "espionagens") ?
O tempo vai passando e seu prestígio aumentando com as "descobertas" cada vez mais absurdas. 



 1964



Até que, inexplicavelmente, suas mentiras começam a acontecer! As invencionices vão se tornando realidade! Então ...
"Nosso Homem em Havana" é uma inteligente sátira às loucuras da Guerra Fria nos anos dourados (e por muitos anos depois).
Este livro foi levado ao cinema em 1959, com o grande ator ALEC GUINNESS interpretando "JIM".

Veja outros livros de nossa ESTANTE:  Coleção Terramarear   -  Doutor Jivago   -   As Vinhas da Ira/Lolita    -   Monteiro Lobato   -   A Madona de Cedro/O Advogado do Diabo   -   Monteiro Lobato (II)   -   Monteiro Lobato (III)   -   Culinária   -   Manual do "Chofer"   -   Jéca Tatuzinho   -   Bilhetinhos de Jânio   -   Calorias NÃO engordam

IMAGENS - Álbum de Figurinha: "PÁGINAS DO SABER"

Mais figurinhas antigas que divertiam e instruíam a garotada (e seus pais) nos anos 60. "Páginas do Saber" era uma coleção de álbuns com diversos temas distribuidos em vários volumes (como "Crendices e Costumes Populares", "Histórias de Nossos Bichos",  "Lendas Indígenas" (de 1960) e outros.













Outros álbuns:   O Gigante da Beira Rio   -   Álbum LACTA

FATOS - Cinema Brasileiro: "O Estranho Mundo de Zé do Caixão" - "As Libertinas" - "Os Paqueras"

Mais filmes nacionais dos anos 60.


1968



1968



1969