sexta-feira, 30 de novembro de 2012

***************************QUADRO DE AVISOS***************************






IMAGENS - Anúncio: Seguridade, tecnologia e imprensa (anos 50/60)


1952 - O sonho de muitas meninas na época




1954 - Para quem pensa que "3D" é novidade



1961 - Versátil! Serve em automóvel, ônibus ou caminhão!


04.01.1966 - O jornal "O Estado de São Paulo" anunciava orgulhosamente a chegada do primeiro número de seu irmão mais novo, o extraordinário "JORNAL DA TARDE" (quase 47 anos depois deste anúncio o "Estadão" noticiava a "morte" do "JT", que teria sua última edição de 31.10.2012!)



Mais anúncios AQUI.

VITROLA ANTIGA: "Se Mi Vuoi Lasciare" (Michele)

Mais uma música italiana. Desta vez um "sucessão" de 1965:


"Se Mi Vuoi Lasciare" - Michele



Nossa "Vitrola Antiga" (e sua coleção de "bolachões") está AQUI.

IMAGENS - Velharia: MÁQUINA DE ESCREVER "LETTERA 22"

"Uma portátil leve e resistente, que toma pouco espaço e escreve com nitidez. Um dedo basta para levantá-la e dois para fazê-la escrever"
Assim dizia um das peças de propaganda dos anos 50 a respeito da máquina de escrever portátil "Lettera 22", da Olivetti.






Ela foi criada em 1950 (por um designer italiano) e em 1957 começava a ser vendida no Brasil, assim permanecendo até o final dos anos 60. Na década de 70 e seguintes foram surgindo "outras" Letteras (31, 32, 35, 36, 82, etc).






Foi uma verdadeira revolução no mundo todo. Tinha todos os recursos de uma máquina grande e era transportada facilmente graças a seu estojo (uma espécie de valise) e pouco peso (+/- 4 kg).



























A Lettera 22 era fabricada nas cores azul, verde e cinza. Não é de todo impossível encontrar-se uma, em "plena atividade" ou mesmo "aposentada" (e esquecida) num cantinho da casa.


Mais velharias? Clique AQUI.

FATOS - Moda: anos 60: "TAIER" - CAMISOLA - VESTIDO


1960 - Elegante "taier" de lã com padrão de xadrez miúdo. A saia é justa e o paletó é de meio comprimento. Os bolsos são costurados por dentro e as mangas são "três quartos":





1961 - Camisola de popeline (para menina de 1 a 2 anos) com decorativo enfeite "ninho de abelha", corte inteiriço e pala franzida:
 





1963 - Vestido em linho preto e branco, ligeiramente "évasée", todo pespontado e com falso bolero. Como complemento usar duas largas pulseiras na mesma cor do vestido:



Visite nosso "ateliê" e veja dezenas de "modelitos" AQUI.

FATOS - Esporte: BRASIL É CAMPEÃO MUNDIAL DE BASQUETE

Quem não sabe que o Brasil ganhou a Copa do Mundo de Futebol, de 1958, na Suécia?
E quem sabe que fomos campeões mundiais de basquete masculino no ano seguinte?


 (manchete de jornal do dia 01.02.1959)



O Chile sediou o III Campeonato Mundial de Basquete (basquetebol ou bola ao cesto) de 1959 que teve a participação de 13 países (divididos em três chaves) e foi realizado no período de 16 a 31 de janeiro desse ano.


 (nosso time em ação no jogo contra a Bulgária, que vencemos por 62 a 53)



O grupo do Brasil era completado por CANADÁ, MÉXICO e UNIÃO SOVIÉTICA.  A campanha brasileira foi assim: vencemos Canadá, México, Formosa, Bulgária, Porto Rico, Estados Unidos e Chile (na final). Nossa seleção só perdeu para a União Soviética, nas duas partidas disputadas (na segunda, a diferença foi de apenas 3 pontos!).







Jogamos a final contra o time anfitrião (em 31 de janeiro, na capital Santiago) e conquistamos o título. Em 2º lugar ficaram os Estados Unidos e em o Chile. Nota de pesar: "los hermanos" argentinos ficaram de 10º lugar(!).
Os campeões do mundo: WALDEMAR - AMAURY PASSOS - OTTO NÓBREGA - BISPO - ZEZINHO - ROSA BRANCA - FERNANDO BROBRÓ - WLAMIR MARQUES - BOCCARDO - JATUR - ALGODÃO - PEDENTE e KANELA (técnico).

 


 Wlamir Marques foi o "cestinha" do torneio, com 119 pontos.


Mais acontecimentos esportivos AQUI.


FATOS - EFEMÉRIDES DOURADAS


02.01.1959

Rebeldes liderados por Fidel Castro entram em ditaHavana, capital cubana, selando definitivamente a vitória sobre as forças do ditador Fulgêncio Batista.


18.07.1951

Assembléia Legislativa de São Paulo aprova, em primeira discussão, projeto que autoriza cobrança de pedágio na Via Anhanguera.


11.10.1956

Criada a Comissão Nacional de Energia Nuclear responsável pelo planejamento e execução da política geral sobre energia atômica do país.


28.10.1954

Prêmio Nobel de Literatura é concedido ao escritor americano Ernest Hemingway.


05.04.1955

Com 80 anos, Sir Winston Churchill renuncia ao cargo de primeiro-ministro britânico, após 55 anos de vida pública.


Outros acontecimentos das décadas de 50 e 60 AQUI.

IMAGENS - Disco: "Creedence Clearwater Revival" - JONNNY ALF - "The Peels"


Voltemos aos anos 60 para ouvir músicas de discos que "venderam que nem água" na época.


"Creedence Clearwater Revival"


"Proud Mary"




JOHNNY ALF

"Eu e a Brisa"




"The Peels" (Este conjunto americano(?) chegou, fez um sucesso danado com "Juanita Banana" (UGH!!!) em 1966 e logo em seguida desapareceu "para sempre" (sumiu do mapa, escafedeu-se, etc).


"Juanita Banana"



Nossa "discoteca" completa está AQUI.

FATOS - CONSELHOS & DICAS DE ANTANHO (Nº 25)





Mais Conselhos e Dicas de antigamente AQUI.

IMAGENS - Velharia: Máquina fotográfica KODAK 35mm ("SNAP" - "RETINA" - "SIGNET")

Máquinas que eram importadas pelos "abonados" (e "entendidos")  da época.



"COLOR SNAP":
Fabricada pela Kodak inglesa. Teve dois modelos: um (desta imagem) foi produzido de 1959 a 1964. O outro, com algumas alterações, de 1964 a 1967.




1959


"RETINA":
Teve diversas séries após seu lançamento em 1934 (por empresa alemã depois comprada   pela Kodak americana, que passou a fabricá-la
de 1945 a 1969).



 1951


"SIGNET":
Fabricada nos anos 50. Foi originalmente projetada para uso militar. Isso explica o manuseio fácil, a manutenção bastantes simples e resistência muito grande.



1951

Já que estamos "falando" de máquina fotográfica, dê uma olhadinha nesta matéria sobre filmes fotográficos (AQUI).



IMAGENS - Estante de livros: "O DRAMA DA EUROPA" - "O TEMPO E O VENTO" - "SOBRADOS E MUCAMBOS" - "CATA VENTO"

Mais livros para nossa Estante (dos anos 40 e 50), incluindo duas obras-primas de Erico Veríssimo e Gilberto Freyre.


 1941



 1951



1951



1956


Visite nossa Estante AQUI.









IMAGENS - Gibi: ÁGUIA NEGRA

Mesmo não sendo "super", era um dos grandes heróis da criançada "fanática" por gibi nos anos 50/60. Clique AQUI para ler publicação anterior sobre Águia Negra.


1960


1962


1963


anos 60



IMAGENS - Cartaz: FESTIVAL ELVIS PRESLEY ("KING CREOLE" - "FLAMING STAR" - BLUE HAWAII" - "LOVE ME TENDER"

Continuamos com nosso Festival de Cinema dos anos 50/60. Desta vez com cartazes de filmes de ELVIS PRESLEY.


"BALADA SANGRENTA" - 1958



"ESTRELA DE FOGO" - 1960



"FEITIÇO HAVAIANO" - 1961



"AMA-ME COM TERNURA" - 1956  (o 1º filme de Elvis)



Para fechar com chave de ouro essa primeira parte do festival, nada melhor que  ouvir ELVIS cantando "Love Me tender". É só clicar na telinha abaixo.




Veja AQUI todo nosso arquivo de cartazes de filmes dos anos 50/60 (quase uma centena!).

IMAGENS - Carro: AUTOMÓVEIS BRASILEIROS DE 1966 (continuação)

Nas edições anteriores (AQUI e AQUI) mostramos os automóveis PEQUENOS e MÉDIOS aqui fabricados em 1966. Chegou a hora de relembrarmos os carros classificados como  GRANDES que saiam da linha de montagem de nossa indústria automobilística nesse ano: os SIMCA "Chambord", "Jangada" e "Esplanada", os AERO-WILLYS  "2.600" e "Itamaraty" e o FNM "2.000". Veja alguns deles abaixo. Até 1966 não produzíamos automóveis que pudessem ser considerados "DE LUXO".


 (Simca Chambord)


 (Simca Esplanada)


 (Simca Jangada)


 
 (Aero-Willys 2.600)



Mais carros AQUI.


FATOS - VOCÊ SE LEMBRA?


... do relógio de bolso que "fazia parte" da indumentária de muitos respeitáveis senhores de antigamente?   (AQUI)

... do programa de rádio "Correspondente Musical", de Helio Ribeiro?   (AQUI)

...  da tragédia que matou todo o time italiano do Torino?   (AQUI)

... da "Caixa Escolar" que assistia os mais desfavorecidos na escola?   (AQUI)

... do filme "Bonequinha de Luxo" e sua linda música "Moon River"? (AQUI)


Ir a todas as publicações anteriores desta seção.



IMAGENS - Revista: "CASA E JARDIM"

Em 1953 uma editora denominada "Editora Monumento" (que certamente não chegou até os dias atuais, como uma infinidade de outras empresas daqueles tempos) lançou uma revista destinada a levar ao grande público assuntos de arquitetura, decoração, paisagismo, eletrodomésticos, móveis e outros temas afins (e não muito afins). Era a "CASA E JARDIM" nascendo!



nº 1
assuntos da nº 1














Ela "mudou de mãos" algumas vezes e, deste 1995, é publicada pela Editora Globo.



anos 50
1955







,








1958
1956














Um detalhe curioso: Em 1965 o "e" do título foi substituído por "&", que permaneceu até 2003, quando a letrinha foi "reabilitada" (e continua até hoje).



 1965 (com o famoso "&")


Ver mais informações e capas de "Casa e Jardim" AQUI e de dezenas de outras revistas AQUI.

FATOS - Programa de televisão: NOVELA "RENDENÇÃO"

"REDENÇÃO" foi a novela mais longa da nossa televisão. Durante dois anos (1966/1968) seus quase 600 capítulos contaram a história de um jovem médico (Francisco Cuoco) que chega numa cidadezinha do interior (o título) e ganha o coração de três moças (pra variar uma é muito "malvada").


"Dr. Fernando"


Cuoco e Miriam Mehler (uma das moças apaixonadas pelo doutor)



Durante muito tempo vai-se mantendo em tremendo suspense quanto ao caráter do doutorzinho. Era médico, mesmo? Era um homem bom como se mostrava? Por que tanto mistério em sua vida? A audiência era muito boa e a novela foi sendo "esticada". Mas, com os meses passando, esse tema foi "enchendo a paciência" do telespectador.






Por isso, lá pelas tantas, a história dá uma guinada com a entrada de novos personagens, "sumiço" de outros e novo foco (num filho desaparecido do médico). REDENÇÃO parte II ?
Ela foi exibida na (há muito extinta) TV EXCELSIOR e passava em São Paulo (19:30h) e Rio de Janeiro (21h) e nos diversos estados brasileiros onde ela tinha emissoras afiliadas. Em "Redenção" Cuoco abre o caminho para se consagrar como galã nas futuras novelas.
A "cidade do interior" onde se desenrola a trama toda foi montada em São Bernardo do Campo-SP.
 
Veja na telinha abaixo um trecho em que aparece a fofoqueira "Dna. Marocas" (personagem secundária que se transformou em grande atração da novela).






AQUI mais dezenas de  programas de televisão já publicados.


NOTA: Esta edição de 30/11 AINDA NÃO TERMINOU!!! Para continuar a leitura clique em "POSTAGENS MAIS ANTIGAS" (LOGO ABAIXO).